MEU TEMPO NO MUNDO – TUDO O QUE NOS FAZ FELIZES

23.10.2018 em Novidades e Inspirações.
Autor do post: Escrito por: Lila Guimarães, jornalista e calaboradora da Donato.

Eles conhecem mais de 30 países e juntos fizeram uma promessa de amor e de vida: passar a maior parte do tempo felizes, fazendo o que realmente gostam. As viagens, claro, estão no topo dessa lista e com elas vêm descobrindo um modo de viver mais descolado e interessante. O casal Carla Rocha e João Anselmo conversou com a gente para a série de matérias e vídeos que nos inspiram MEU TEMPO NO MUNDO!

“Temos uma grande diferença de idade e quando assumimos a nossa relação, independente do julgamento de outras pessoas, tudo ficou mais leve e fácil. Então, resolvemos fazer tudo o que tínhamos vontade. Conhecer o mundo juntos estava nos nossos planos”, contou Carla. Essa tal diferença fica apenas por conta da matemática da vida. É nítida a sintonia da dupla que sorri sem economia a cada memória resgatada durante a entrevista.

viajantes donato viagens em grupo

João Anselmo e Carla Rocha em foto por Victor Affaro

O prazer de viver e aproveitar o melhor de cada momento é o elo que constrói uma trajetória rica em cenários pelo mundo. “Temos o mesmo propósito, gostamos das mesmas coisas e nunca temos problemas quando viajamos. É sempre muito natural que queiramos ver o mesmo lugar e descobrir aquele mesmo cantinho”, disse Carla. “Gostamos de conhecer gastronomia e todos os costumes de cada cultura que visitamos. Ela aprecia moda, arquitetura e decoração. Então aproveitamos as viagens para enriquecer nosso repertório e ampliar nosso conhecimento”, completou João.

Entre as vantagens de fazer as malas e partir para o mundo, João ainda nos contempla com um pensamento que parece óbvio, mas que esquecemos muitas vezes: “Viajar é o melhor investimento que podemos fazer na vida. Dinheiro e patrimônio você pode até perder, mas as suas experiências não. O resto fica perdido por aí e a vida é uma passagem muito rápida, tem que aproveitar!”

Dos momentos impossíveis de esquecer eles ressaltam um passeio de balão pelo céu da Capadócia, a primeira vez que viram a neve na Suíça, o encontro com a natureza do Laos, e um pôr do sol no deserto em Marrocos. Outra lembrança que marcou a vida do casal foi uma passagem por Porto da Cruz, uma vila antiga portuguesa na Ilha da Madeira, onde João nasceu e viveu até os 6 anos. “Fui na casa em que ele nasceu, uma construção de pedra com 200 anos. Pude sentir uma emoção muito forte. Não imaginei nada parecido, também porque presenciei algo muito marcante para ele. A vila tem casas ainda muito rústicas e preservadas como era quando ele saiu de lá. Uma região que conserva até hoje os mesmos costumes, um jeito simples e lindo de viver. Entramos em contato com uma energia diferente, vimos parte da história do João e do marco zero da nossa própria história. Ele lembrou da fruta que comia do pé, da pedrinha que catava pelo caminho das ruas por onde brincava.”, lembrou Carla.

Estar aberto para o novo também é a marca do casal que costuma surpreender os amigos com viagens a lugares considerados exóticos. Do Vietnã voltaram com as melhores notícias, contando para todos como foi fantástico estar em um lugar tão diferente e lindo, onde tudo aconteceu de forma tranquila e surpreendente a cada cenário. Agora, eles planejam uma imersão ainda mais profunda por alguns dos lugares que mais gostam no mundo. A ideia é passar pelo menos três meses em cada cidade para uma experiência local como moradores.

Nas próximas viagens, o sonho de conhecer a Grécia se realiza logo em setembro com a Donato e uma volta em breve à Ilha da Madeira, depois Açores, e Lisboa também está na programação. “Felicidade é estar preparado para ela e ter disposição para sentir a alegria, mas na viagem você tem um propósito muito claro que é de curtir a vida. Você volta limpo, sem problemas na cabeça e muita informação e novidade. É a parte boa e mágica da vida”, completou João com um sorriso pleno de quem compartilha algo valioso e sábio.

Leiam mais sobre a série MEU TEMPO NO MUNDO aqui! 

Vejam a seguir um trecho da entrevista do João Anselmo e da Carla Rocha:

 

Matérias relacionadas

UMA REFLEXÃO SOBRE O NOSSO TEMPO NO MUNDO

Para encontrar inspiração com quem vive em pleno momento de maturidade, conversamos com algumas pessoas cheias de histórias que nos instigam reflexões e ideias para uma vida mais saudável, autônoma e também feliz!

ADMIRÁVEL MUNDO SEMPRE NOVO

Um casal, 42 anos de viagens e muitos destinos explorados! Essa é a história de Augusto e Lygia, viajantes sempre com novos rumos e experiências. Desde o início foi assim… primeiro o Brasil como um imenso e diverso território a ser descoberto.

91 ANOS E DESBRAVANDO O MUNDO

Nunca é tarde para fazer o que se ama. Elena Mikahilovana é mais uma inspiração, pela paixão que ela tem em conhecer novos lugares e culturas. A russa de 90 anos ganhou a admiração dos mais jovens ao postar nas redes sociais e no seu canal do Youtube suas aventuras pelo mundo afora.

Ver todos os posts

Para participar com seus relatos, fotos ou sugestões de assuntos e viagens, por favor envie um e-mail para [email protected]