CULINÁRIA INTERNACIONAL – SABORES INESQUECÍVEIS PELOS VIAJANTES DONATO

05.08.2020 em Novidades e Inspirações.
Autor do post: Priscila Esteves, publicitária e colaboradora da Donato.

Depois da matéria sobre os aromas marcantes para a família Donato, é a vez dos nossos viajantes contarem seus pratos preferidos da culinária internacional. Conversamos com três clientes apaixonados por provar sabores inéditos pelo mundo e descobrimos histórias dignas de livros sobre gastronomia!

No Brasil e no mundo: saborear é preciso

Danielle Aguiar é daquelas pessoas que não voltam de uma viagem sem provar os pratos típicos do destino. Segundo ela, o segredo para uma experiência completa é buscar referências sobre a culinária do país bem antes do embarque, então organizar em um caderninho para deixar sempre à mão. Uma ocasião de colocar em prática suas dicas aconteceu em setembro de 2018 durante um Cruzeiro pela Provence, sua estreia na Donato.

Na capital gastronômica francesa, Lyon, ela explorou o mercado de queijos, fez questão de provar a tradicional salada lyonnaise e se encantou ao conhecer o restaurante de Paul Bocuse, dono de duas estrelas Michelin. No ano seguinte, tivemos sua companhia no Egito – onde se deliciou com os charutinhos, as pastas e outras iguarias árabes – pratos que não costuma encontrar com tanta facilidade em sua cidade, Recife.

comida árabe Homus (pasta de grão-de-bico) é símbolo da cozinha árabe

Aos risos, Dani nos disse que não leva jeito para cozinhar. Mas o que falta em habilidade sobra em vontade de saborear! E sua lista é grande – ceviche peruano, carnes acompanhadas de um bom vinho em Mendoza e as  tapas espanholas são alguns pratos que ela degustou pelo mundo.

 Ceviche, prato tradicionalmente peruano

Ainda assim, reforça que a culinária brasileira tem um lugar especial no seu coração. Orgulhosa de sua terra, ela elenca os doces preferidos: bolo de rolo recheado com goiabada e cartola (banana frita na manteiga, coberta por queijo coalho, açúcar e canela). Aos que ficaram com vontade dessas delícias regionais, ela faz o convite: para encontrar os sabores autênticos, só visitando Pernambuco!

Para colocar a mão na massa

A fim de manter viva a paixão pela culinária internacional, o casal Daniel e Carol Melo gosta de reproduzir seus pratos preferidos em casa. Inspirados pelas vivências gastronômicas que tiveram ao longo dos anos, eles compartilham criações de dar água na boca em sua conta no Instagram @seguindo_receitas. Em nossa conversa, Daniel contou como a bagagem cultural é responsável por suas memórias mais especiais!

Ele recorda o período em que moraram na China em 2008, quando descobriram os dumplings (bolinhos de massa recheada). Foi em um restaurante em Shanghai que sentiram “paixão à primeira mordida”, como ele mesmo descreve. Desde então, sempre que encontram um restaurante típico, como em Chinatown – Nova York, buscam relembrar esse sabor. Tanto que os filhos do casal, que não participaram da experiência original, hoje amam o prato chinês.

dumpling china Dumplings fazem parte da cozinha de diversos países asiáticos

Em 2017, tivemos o prazer de acompanhá-los em uma edição do Just Couples – roteiro surpresa para casais, que só é revelado no momento do embarque. Hospedados no Vale do Uco, provaram um assado à moda argentina exclusivo para o grupo, servido numa tenda entre os vinhedos e com uma vista privilegiada para os Andes!

vale do uco mendoza argentina Mesa posta para o grupo no Vale do Uco

Outro sabor marcante para eles é a bistecca alla Fiorentina, que descobriram durante uma visita à Toscana e que Daniel recriou no último dia dos namorados. Tudo devidamente harmonizado com o vinho trazido na mala! Já que esse ano não puderam viajar, decidiram reviver a ocasião através dos aromas e sabores tradicionais da Itália. Aliás, aos que quiserem surpreender alguém querido com um jantar feito em casa, ele deixou a receita nesse post aqui.

Histórias e receitas que merecem ser compartilhadas

Estudiosa da culinária internacional, bem como da nacional, Rosa Belluzzo faz uma verdadeira imersão na história e nas tradições de cada destino visitado. Ela também gosta de pesquisar previamente os melhores restaurantes e especialidades regionais, dessa forma garante que não vai perder nenhum sabor durante a viagem. Ainda disse que considera essencial visitar os mercados, pois é conversando com os locais que podemos desvendar os sabores genuínos daquela cidade.

Rosa lembra quando foi convidada por um chef português a conhecer seu restaurante em Setúbal – mas antes, foram ao mercado e ela ficou maravilhada com a exposição dos peixes e frutos do mar! Também tem boas recordações da sua estadia em uma fazenda de amigos em Périgord, na França. Ali eram criados gansos e ela aprendeu a fazer o foie d’oie (patê de ganso) e o confit d’oie.

culinária portuguesa Peixes e frutos do mar são muito presentes na culinária portuguesa

foie gras Foie d’oie, prato francês

Ela, que acumula boas histórias sobre alimentação, decidiu partilhar seu conhecimento por meio da literatura. São oito livros publicados e dois Prêmios Jabutis – o primeiro com o livro Machado de Assis: relíquias culinárias, pela Editora Unesp.

Vejam alguns títulos, sempre acompanhados por receitas:

Cozinha dos Imigrantes – Memórias & Receitas (esgotado)

Doces sabores (história do açúcar no Brasil) (esgotado)

São Paulo: Memória e Sabor (Editora Unesp)

Nem garfo nem faca: à mesa com os cronistas e viajantes (Editora Senac) – ganhador do Prêmio Jabuti

Mil e uma noites, mil e uma iguarias (Editora Unesp).

 

E você, tem uma lista de sabores inesquecíveis pelo mundo? Enquanto espera o próximo embarque, que tal alimentar a alma com leituras sobre o tema?

 

Aprecia gastronomia internacional?

Baixe nosso e-book: Culinária ao redor do mundo

 

Matérias relacionadas

O VELHO E O NOVO: SABORES DE UM BOM WHISKY

Novidades e tradições do whisky, um dos mais nobres destilados. Puro ou misturado em drinks clássicos, a bebida é um encontro festivo do paladar com a arte. Vejam as tendências do mercado e novas ideias de como aproveitar o sabor de um bom whisky com o mixologista Alê D'Agostino.

AROMAS DO MUNDO — DESTINOS MARCANTES PARA A FAMÍLIA DONATO

A memória olfativa é capaz de nos fazer viajar sem sair de casa e pode ser ativada de muitas formas, como um perfume floral no ar ou o cheiro de um delicioso chá sendo preparado. Com a família Donato, também é assim! Aqui, eles nos contam os aromas que descobriram durante suas viagens e que guardam com muito carinho.

DESVENDANDO A NOVA ZELÂNDIA: SEGREDOS E SABORES

Visitar a Nova Zelândia é como percorrer um cenário dos sonhos ou daqueles contos épicos que ouvimos e ficamos encantados. Com uma cultura acolhedora e paisagens naturais deslumbrantes, ela nos convida a desvendar alguns de seus grandes segredos.

Ver todos os posts

Para participar com seus relatos, fotos ou sugestões de assuntos e viagens, por favor envie um e-mail para [email protected]